Segundo Paula Tudisco, prejuízos decorrentes de crimes virtuais crescem anualmente, com estimativas de prejuízo mundial de US$ 2,1 trilhões até 2019; no Brasil, a contratação do serviço ainda esbarra na questão cultural, na falta de informação e na ideia de que esse tipo de seguro é muito caro. Os prejuízos decorrentes de ataques cibernéticos crescem […]

via Cyber Seguros como proteção contra ataques cibernéticos — Security Information News