Desafio de sábado

  • Um certo número X, formado por dois algarismos, é o quadrado de um número natural. Invertendo-se a ordem dos algarismos desse número, obtém-se um número ímpar. O valor absoluto da diferença entre os dois números (isto é, entre X e o número obtido pela inversão de seus algarismos) é o cubo de um número natural. A soma doa algarismos de X é, por conseguinte, igual a:
    a) 7
    b) 10
    c) 13
    d) 9 resposta correta
    e) 11

 

Solução

 

Os números possíveis são: 16, 25, 36, 49, 64 e 81 (os únicos quadrados perfeitos menores que 100, ou seja, com dois algarismos).
O enunciado diz que, invertendo-se os dois algarismos, obtém-se um número ímpar. Logo, só ficam o 16 e o 36 (o primeiro algarismo tem que ser impar).
Como a diferença entre o número obtido pela inversão e o original tem que ser um cubo perfeito, temos:
Para x = 16: 61 – 16 = 45 (que não é cubo perfeito);
Para x = 36: 63 – 36 = 27 ( que é 3³)
Logo, x = 36 → (3 + 6 = 9)

Anúncios